Pra quem está começando ou já é iniciado nas primeiras estratégias do marketing digital, saber o que é landing page e como fazer uma é requisito indispensável. No entanto, muitas vezes isso pode parecer um bicho de sete cabeças pra quem ainda não sabe do que se trata e nem mesmo por onde começar, quando o assunto é página de captura.

Bicho de sete cabeças… Será??

Nesse artigo vou revelar pra você tudo sobre o que é uma landing page, ou página de captura. A questão aqui é que o marketing digital, como outras tantas atividades, tem sua própria linguagem e as nomenclaturas vêm, normalmente, de termos em inglês. O termo aqui utilizado para página de captura não tem sua tradução literal a partir da língua inglesa. Sugiro não traduzir ao pé da letra, deixar pra lá e se ater ao conteúdo desta página.

Mas afinal, o que é uma landing page?

O que é um alanding page

Antes de chegar ao conceito sobre o que é essa ferramenta utilizada no marketing digital e de falar sobre um dos melhores recursos do mercado para criação de landing pages ou páginas de captura, quero falar um pouco sobre o processo do qual ela faz parte.

Antes de chegar até aqui na criação desse artigo, já trabalhei em vários projetos, meus e de clientes, que utilizavam o recurso de páginas de captura. Estudei várias ferramentas e já utilizei dezenas delas. Ou melhor, continuo utilizando várias delas para a criação de sistemas de captura de emails.

Penso, então, que vale me aprofundar um pouco mais no processo que envolve a utilização de páginas de captura no marketing digital. Talvez isso possa parecer meio desafiador num primeiro momento. Mas não se assuste, pois tenho uma boa notícia. Minha intenção nesse artigo é fazer com que você entenda um dos conceitos mais importantes (e básicos) do marketing digital, e que é utilizado para impulsionar o crescimento de negócios online.

Marketing Digital e Landing Page, uma relação íntima

Até mesmo para quem já tem costume com termos de marketing digital, alguns nomes podem causar dúvidas, vez ou outra. No caso das landing pages, uma dúvida que aparece com frequência é: qual a diferença entre landing page e squeeze page?

E agora? Se o termo landing page já poderia causar uma certa confusão na cabeça dos leitores, pra quê adicionar um termo novo e que tão poucas pessoas conhecem? Isso vale, justamente para aumentar seus conhecimentos, tirar alguma dúvida que possa existir e te deixar com o vocabulário e o conhecimento afiados, agora que está começando ou procurando informações para aprimorar suas habilidades no mundo dos negócios online e digitais.

Landing Page e Squeeze Page- Tem diferença?

Bom, nesse caso é SIM e NÃO.

A Squeeze Page e a Landing Page são normalmente construídas para:

1 – Receber tráfego de fontes diferentes (uma ou mais delas), como blogs, mídias sociais e ferramentas de buscas como Google, Bing, Yahoo, etc.;

2 – Fazer com que o visitante realize uma determinada ação, que pode ser: registrar-se para um evento, realizar uma compra, fazer o download (ou baixar) um e-book, fazer uma inscrição em uma lista de e-mail ou baixar um infográfico, etc.; Vale ressaltar aqui que nem sempre uma landing page é uma squeeze page.

Na realidade, a squeeze page é um tipo de landing page mais enxuta e objetiva que, no fundo no fundo, tem um propósito muito bem definido e uma importância enorme. Esse tipo de página é utilizado também para criar uma base de leads a partir do cadastro de email de pessoas que possam vir a ser um cliente..

Mas espera aí, esse artigo começou falando de landing page, depois passou a falar de squeeze page e agora vem com esse tal de lead. Que negócio é esse de lead?

Explicando o que é um lead

O que é um LEAD - Funil de VendasUm lead nada mais é do que um prospecto, ou um possível cliente. Uma pessoa que ainda não está na sua base de dados como cliente, mas que pode ser trabalhado para que venha a consumir um produto ou serviço, seu ou da sua empresa.

Bom, passada mais essa surpresa sobre o que vem a ser um lead, vamos voltar a falar da landing page e da sua importância, pois esse era o último assunto antes de aparecer o tal do lead. A squeeze page tem um propósito claro e especificamente definido, que é a criação dessa base de dados, contendo endereços de email de pessoas que, na maioria das vezes, ainda não são clientes, mas que podem vir a ser.

O que é Recompensa Digital

Assim sendo, as squeeze pages oferecem algum tipo de recompensa digital em troca do e-mail da pessoa que chegou naquela página. Recompensa essa que pode ser um ebook, um vídeo, ou mesmo uma degustação de um produto mais avançado, como um curso online, por exemplo. Imagine a seguinte situação.

Você procura na internet por informações sobre um assunto do seu interesse. Então você se depara um um e-book que promete te contar dicas incríveis sobre o tema, e então… É aí que a coisa começa a funcionar com a squeeze page.

Você chega naquela página preparada para oferecer uma informação especial (no caso, as dicas) sobre aquele assunto que tanto lhe interessa. Essa informação está compilada em um e-book muito bem preparado e pensado. O que acontece a seguir? Isso mesmo, em troca do ebook, você deve colocar seu email para poder baixá-lo.

Landing Pages ou Páginas de Captura

Essas mesmas landing pages são também, vez ou outra, chamadas de páginas de captura, justamente pelo fato de capturar informações (email, nome, etc) de leads ou prospects. Pessoas que entrarão para uma base de dados e que serão tratadas de forma especial durante um período de relacionamento.

Esse período será quase um namoro, com intenção de informar e transformar esse relacionamento em possibilidade de aquisição de um produto ou serviço. Se formos fazer uma analogia de uma squeeze page, talvez possamos compará-la a uma grande festa dada por sua empresa.

A landing page seria a porta de entrada dessa festa, onde poderá ter início um relacionamento que, espera-se, possa se estender por muito tempo.

Em uma campanha de marketing digital, a landing page seria o ponto onde seu funil começa a ser criado.

Nesse tipo de campanha muitos outros aspectos são levados em conta. Como exemplo, podemos citar estratégias de engajamento que utilizam mídias sociais como Facebook, Twitter, Instagram, YouTube e outras. Leia aqui um artigo sobre Como Publicar em Vários Grupos do Facebook de uma só vez.

Ou seja, depois de aparecer para um grande número de pessoas (sua audiência), você conquistou a atenção dos mais interessados, conseguindo colocá-los em uma base de dados.

O próximo passo será fazer com que esses interessados em te ouvir possam sair do outro lado do funil como clientes.

Entendeu a importância de uma squeeze page bem feita e bem elaborada para a estratégia do seu negócio no mundo online? Isso tudo acontece com uma landing page porque ela é feita para ter uma alta capacidade de atrair a atenção do seu prospecto (lead), trazê-lo para passar da porta inicial da festa e entrar para o seu funil de vendas.

Tudo isso, pensado de forma eficaz e objetiva, tende a possibilitar resultados extraordinários. Página simples e bem pensadas a partir da necessidade do seu lead, podem resultar na diferença entre o sucesso e o fracasso de uma estratégia de marketing digital.

Como construir uma landing page ou página de captura em 5 passos simples

 

Squeeze Page - Recompensa Digital

1 – Comece criando uma recompensa digital irresistível que sua audiência vai adorar

Uma recompensa digital irresistível é algo que sua audiência vai dizer: “É impossível sair dessa página sem consumir essa informação”.

Pense em algo realmente valioso do ponto de vista do seu lead. E são tantas as maneira de se criar uma recompensa realmente valiosa em cerca de meia hora, que somente esse tema daria mais uma meia dúzia de artigos como esse.

Vamos ver alguns exemplos de recompensas que podemos preparar em pouco tempo e que podem ser utilizados em uma landing page: Um guia de como fazer algum projeto do tipo “Faça Você Mesmo” (Do It Yourself – DIY), contendo uma lista com fontes de informações para alcançar um determinado objetivo; Uma degustação (acesso a parte do todo) de um produto maior, como um capítulo de um livro, um módulo de um curso, por exemplo; Um guia completo de perguntas e respostas para o segmento do seu negócio ou do seu produto.

Mas independentemente do formato de recompensa digital que você escolher para sua audiência, vale ressaltar um ponto muito importante e que precisa ser levado em consideração. Tudo isso precisa fazer sentido para sua audiência.

O conteúdo precisa impactar de forma positiva suas vidas e fazer com que a percepção de valor seja o maior possível. Assim, você deve destacar, logo de cara, esses valores e essa importância sobre aquilo que está sendo oferecido de forma gratuita.

Landing Page Ferramenta de Cosntrução

2 – Escolha uma ferramenta que possa facilitar ao máximo a etapa de construção de sua landing page

Depois de chegar à conclusão de qual será a recompensa que você vai oferecer aos seus leads em troca do início de um relacionamento, você precisa pensar numa forma de maximizar o seu trabalho na elaboração e construção de sua landing page.

Detalhes como a facilidade de criação da squeeze page, bem como a disponibilidade de integração com suas ferramentas de autoresponder, precisam ser levados em consideração na hora de escolher a ferramenta de construção de landing pages.

Para quem já tem conhecimento com gerenciadores de conteúdo com o WordPress, sabe que essa plataforma permite a criação de páginas de captura de forma satisfatória, com vários plugins próprios.

Mas o foco do WordPress não é ser utilizado como criador de landing pages. Ele á uma ferramenta que vai muito além desse trabalho, oferecendo recursos poderosos de criação de sites.

No entanto existem plugins poderosos para serem utilizados junto com o WordPress que são próprios para a construção de páginas de captura ou landing pages.

Um site que interessante que dá dicas de como utilizar um dos mais conhecidos temas para WordPress é o Divi Themes Curso Express. No site você pode aprender os primeiros passos de como iniciar com a plataforma WordPress, bem como instalar o tema Divi, que é uma ferramenta avançada e de fácil utilização para a criação de sites.

Nele você pode, ainda, utilizar seus recursos para a criação de landing pages no formato arraste e solte (drag and drop). De forma menos avançada. Mas mesmo assim com excelentes resultados.

Mas, como o assunto aqui são páginas de captura e a intenção é ensinar o máximo sobre esse recurso indispensável para estratégias de marketing digital, vamos voltar a falar sobre dicas para a construção de landing pages profissionais.

No mercado existem ferramentas específicas para quem quer criar landing pages profissionais e de alta conversão. Ou seja, se você quer iniciar bem com a construção das suas primeiras páginas de captura, você deve considerar o investimento em ferramentas próprias para tal.

O Squeeze WP, por exemplo, é um plugin para WordPress essencial para quem deseja criar um negócio online de sucesso e gerar uma lista gigantesca e lucrativa.

Squeeze Page - Mensagem Forte

3. Prepare uma mensagem forte e objetiva. Mas não banque o herói

Depois de decidir que sua estratégia de marketing digital precisa de uma landing page e de escolher a ferramenta certa, você deve estar se perguntando: o que é que eu vou escrever nesta página de captura?

Não se desespere e lembre-se: você já sabe como funciona, qual a ferramenta usar e qual o motivo de estar criando uma página para coletar informações (emails) iniciais do seu possível futuro cliente (prospect ou lead).

O que precisa ser feito agora é muito simples. Seja objetivo e sucinto com o conteúdo aqui nesse ponto. O que o seu visitante menos precisa é de informações aprofundadas sobre seu negócio nesse momento.

Isso mesmo. Pode parecer contraditório, mas a intenção aqui não é sobrecarregar seu visitante com informações com as quais ele ainda não está pronto para tomar conhecimento. Muitos até vão se perguntar: mas não seria uma oportunidade de ouro para divulgar meu produto ou serviço? Acredite. Não é.

Começar um relacionamento com um possível futuro cliente é uma coisa realmente tentadora. Afinal, você fica imaginando como poderá solucionar um problema ou realizar um desejo daquela pessoa oferecendo seu produto ou serviço que você acha que ele não pode ficar sem.

Mas vá com calma e saiba de uma coisa muito importante: você não é o herói dessa história.

Ao contrário disso, o herói aqui é o seu visitante e você é só um possível mentor ou fonte de informação segura sobre um recurso que essa pessoa estava procurando. E você terá, caso ele se sinta atraído pelo conteúdo da squeeze page e deixe seu email, a oportunidade de guiá-lo pelo caminho do conhecimento sobre o que você pode oferecer pra que a vida dele seja melhor, mais fácil, mais alegre, menos problemática, etc..

Um exemplo do tipo de frase de descrição que poderia fazer parte de uma squeeze page seria: “Este conteúdo vai te ajudar a encontrar as melhores escolas próximas do seu bairro para educar seus filhos”.

E fique bem atento caso se veja escrevendo frases longas para descrever o objetivo daquele conteúdo que está sendo oferecido.

Pare imediatamente e reveja sua estratégia. Aqui vale relembrar: uma squeeze page precisa ser de rápido consumo (frases curtas e objetivas) e levar seu visitante ou possível futuro cliente a realizar a ação a qual ela se propõe: baixar um conteúdo digital e se inscrever em sua lista ou base de emails.

Escolha a melhor imagem para a ilustração

4. Escolha a melhor imagem para a ilustração

A grande maioria das pessoas que já trabalham com criação de páginas de captura têm uma grande dificuldade em encontrar a imagem correta para ser utilizada nessa peça de comunicação.

Isso não pode se tornar um problema para quem trabalha com ações de marketing digital e a dica aqui é bastante simples. Faça de tudo para que a imagem utilizada na sua squeeze page seja o mais objetiva possível, a exemplo do título e mensagem de destaque.

Essa imagem precisa ser totalmente coerente com sua mensagem e é imprescindível que capture a atenção do seu visitante.Afinal, o que você quer é também muito simples: que o seu prospect entenda e mensagem de forma rápida e tome a ação desejada.

Teste AB em uma squeeze page – Pra que serve?

Como já mencionado, várias são as opções para se construir uma squeeze page e um detalhe importantíssimo merece destaque. O teste AB.

Como em qualquer ação de marketing, um detalhe que precisa ser muito bem estudado é o comportamento do seu cliente ou possível cliente, também chamado de lead ou prospect. E quando se fala em comportamento é necessário que todas as interações ocorridas entre pessoas e sistemas possa ser mensurada de alguma forma.

Nesse caso o que estamos avaliando é o comportamento de seres humanos. Pessoas reais que interagem de alguma forma com seu conteúdo: um texto, uma imagem, um vídeo, etc..

Então, nesse momento de interação, nada melhor do que poder avaliar o que mais prende a atenção e faz com que o visitante tome a ação que você deseja. Seja preenchendo o formulário de nome e email, por exemplo, ou escolhendo um determinado título ao invés de outro.

Isso tudo você pode fazer com o chamado Teste AB, ou teste ABC (3 variáveis). Esse teste te permite criar variáveis de uma mesma página com o intuito de testar a que melhor atrai o seu visitante a tomar a ação desejada naquela página.

O Teste AB também pode criar opções diferentes para botões, cores de fundo , títulos dentro de uma mesma página. podem ser alterações que afetam toda a página ou somente detalhes pequenos como botões e palavras. Imagine a seguinte situação: você cria uma página de captura que seja relacionada ao universo Pet (animais de estimação).

Suponha que você venda um curso que ensine as pessoas a adestrarem seu bichinho de estimação. Na sua landing page você vai oferecer uma recompensa digital, um ebook, por exemplo, que vai dar 5 dicas pra quem precisa fazer com que seu PET não incomode tanto os vizinhos com seus latidos.

Na criação do Teste AB da sua página de captura, você pode variar as versões de texto do botão Call To Action pra saber qual das duas converte melhor.

Ou seja, em qual das duas versões do mesmo botão as pessoas se sentirão mais inclinadas a realizar a ação de cadastro e download do seu ebook. Durante um determinado período de tempo, você vai testar essas versões e escolher a que obteve a melhor performance.

Daí pra frente é criar outras variações e ir aprimorando o conjunto de informações da página (título, texto descritivo, imagem, cor do botão, etc) e fazer com que a conversão seja a maior possível.

Ao escolher uma ferramenta para construir suas páginas de captura ou landing pages, fique atento a detalhes como o mencionado Teste AB, a disponibilidade de templates prontos que vão facilitar o seu trabalho, possibilidade de instalação em mais de um domínio, etc.. Fique atento à unidade (composição e estética) da página e procure seguir um padrão de cores condizente com o motivo ou o assunto a que a página de captura trata.

Chamada Para a Ação (Call To Action) Poderosa

5. Chamada Para a Ação (Call To Action) Poderosa

Depois de passar por todo o processo de concepção da sua landing page, chega a hora de pensar no elemento que faz toda a diferença numa página de captura, o botão com a Chamada Para a Ação ou o Call To Action. É aqui que seu visitante será solicitado a clicar.

E ele terá apenas alguns instantes para tomar essa decisão, clicar ou não. Por isso esse detalhe merece toda a sua atenção. Você precisa se lembrar de algo que já foi comentado anteriormente. Sua página de captura precisa ser simples, objetiva e curta.

Seu visitante, prospect ou possível futuro cliente vai gastar apenas alguns segundos navegando por sua landing page. E é esse tempo que ele terá para decidir se clica ou não naquele botão.

Você poderá ter uma página enorme com opções de botões e links de Call To Action em vários pontos da página. Mas lembre-se, estamos falando de landing pages, páginas curtas, objetivas e que precisam trazer a maior conversão possível.

Normalmente, alguma landing pages não precisam nem mesmo serem roladas, mostrando a que veio já na primeira dobra da página (espaço da página que aparece logo ao abrir no seu navegador).

Isso tudo para fazer com que a atenção do visitante fique somente no que precisa ser feito.

Botões de Call To Action que convertem bem, trazem textos e chamadas persuasivas e que atingem diretamente o subconsciente do seu visitante. O intuito é fazer com que ele entenda que aquela recompensa precisa ser baixada imediatamente.

Exemplos de Call To Action ou Chamada para a Ação

Botões com Chamadas Para a Ação que convertem bem dizem claramente porque fazer e o que fazer a quem está acessando a landing page em questão.

Como exemplo, podemos citar: “Baixar Ebook Agora”, “E-book Disponível – Baixe o Seu”, “Garanta Sua Vaga”, “Sim, Quero o Ebook Grátis”.

Todas esses modelos de chamadas mostram claramente o que fazer e o que o prospect pode esperar após a ação que está sendo chamado a realizar.

Isso fica claro para o entendimento e o direcionamento do seu visitante naqueles pousoc segundos que ele terá para tomar uma decisão.

Na construção do seu botão Call To Action vale ainda prestar atenção nas dicas: utilize o recurso do contraste de forma a deixar esse botão destacado em relação às cores e/ou imagens de fundo. Se o fundo é escuro, contraste a visibilidade do botão com cores claras, mas que tenham uma harmonia com o layout da página. Dessa forma ele será melhor percebido pelo seu visitante.

E assim ficamos por aqui com esse artigo que tratou especificamente de uma das peças utilizadas nas estratégias de marketing digital. A chamada Landing Page, ou Página de Captura, ou ainda Squeeze Page.

Agora que você já entendeu o processo de criação de uma squeeze page em si, quero voltar a recomendar o Squeeze WP. Uma poderosa ferramenta que vai aumentar sua produtividade e facilitar o seu processo de criação das suas squeeze pages. Até a próxima.

Quem leu esse artigo, também leu:

Pin It on Pinterest

Share This